Aquecedor solar para Residências

Um sistema básico de aquecimento de água por energia solar é composto de coletores solares (placas) e reservatório térmico (Boiler).

Para que seu sistema de aquecimento solar funcione corretamente e lhe proporcione conforto e economia de energia, observe os tipos de sistemas abaixo e como deve ficar sua instalação.

Sistemas por Circulação Natural (Termosifão)

 



Em sistemas de aquecimento solar com circulação natural ou termossifão, a circulação de água entre os coletores e o reservatório ocorre sem o auxílio de uma bomba hidráulica, para que isso ocorra é necessário que a instalação respeite alguns critérios:

Em sistemas convencionais, a água circula entre os coletores e o reservatório térmico através de um sistema natural chamado termossifão. Nesse sistema, a água dos coletores fica mais quente e, portanto, menos densa que a água no reservatório. Assim a água fria “empurra” a água quente gerando a circulação. Esses sistemas são chamados da circulação natural ou termossifão.

Vista frontal do sistema termosifão com instalação do boiler na condição de horizontal de nível.

Sistema de Aquecimento Solar de Nível - Sauna Life





Sistema de Aquecimento Solar de Nível - Soletrol



O sistema de circulação forçada segue a seguinte configuração:

Já um sistema de aquecimento solar bombeado, não é necessário que o coletor esteja abaixo do reservatório, pois quem promove a circulação de água entre os coletores e o reservatório é a bomba hidráulica.

O funcionamento da bomba é controlado pelo CDT - Controlador Diferencial de Temperatura - que avalia o momento correto para ligar o sistema. Ainda sim alguns parâmetros são importantes para o seu funcionamento:

Avaliar a orientação e a área disponível no local onde irão ser instalados os coletores solares.

Os coletores solares deverão estar orientados sempre para o Norte Geográfico ou com um desvio de no máximo 20º.

A instalação pode ser feita diretamente sobre o telhado que normalmente possui uma inclinação de 17º (30%) ou fixados em suportes para deixá-los com a inclinação ideal da sua localidade que é igual a latitude + 10º.

K2 - SISTEMA ANTI-CONGELAMENTO

Nos meses de inverno, muitos locais do Brasil estão sujeitos a temperaturas extremamente baixas fazendo com a água se congele ocasionando a ruptura dos sistemas de aquecimento solar convencionais.

O princípio de funcionamento do K2 segue uma tendência mundial utilizada nos países com clima frio, como Canadá, Estados Unidos e países da Europa. O K2 é um sistema de troca indireta, ou seja, o fluido que circula pelo coletor solar não é mais a água e sim o Heliotherm.

O Heliotherm é um fluido de qualidade alimentícia e atóxico que não se congela em baixas temperaturas.

Esquema de ligação

Volume necessário de heliotherm (em litros) para temperatura até -10ºC

Observações:
- Válido para uma distância de até 15 metros entre os coletores e o reservatório, acima deste tamanho, acrescentar 1 litro de Heliotherm a cada 10 metros;

:: Voltar